logo
Custom Side Menu
Blog Wine House | Baby Beef | O vinho como expressão artística
10949
post-template-default,single,single-post,postid-10949,single-format-standard,mkd-core-1.1,ajax_fade,page_not_loaded,, vertical_menu_with_scroll,smooth_scroll,side_menu_slide_with_content,width_370,blog_installed,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive
 

O vinho como expressão artística

Sanja Jankovic retrata personalidades históricas usando a bebida como tinta

É incrível como a cada dia, nos surpreendemos com os misticismos que envolvem a história dessa bebida há tanto tempo apreciada. Foi lá em meados do séc XI, quando registros históricos indicam o uso do vinho por artistas da alta renascença, que a sérvia Sanja Jankovic foi buscar inspiração para desenvolver sua técnica maravilhosa.

Com uma variação surpreendente na tonalidade de cores, Sanja utiliza vinhos tintos, rosés e brancos para criar imagens realistas de ícones históricos. A artista revelou que utiliza variedades como Rielsing, Chardonay, Sauvignon Blanc, Merlot, Pinot Noir e Cabernet Sauvignon.

Sanja diz que precisa de no mínimo três tons para conseguir criar seus retratos e que as cores, assim como o aroma, a textura e os sabores, desenvolvem-se com o passar do tempo.

Sua técnica não tem segredos: vinho tinto para tons mais escuros e frescos, rosés para tonalidades mais quentes e brilhantes e branco como solvente. Desse modo, Sanja consegue transmitir ao mesmo tempo, o realismo do retrato e a delicadeza do vinho.

Confira algumas obras de cair o queixo!

Wine House Babybeef
No Comments

Deixe um comentário